Oi borboletas, thudo bom?

Por aqui continua tudo na mesma, o calor não tá dando trégua de jeito nenhum e eu tô ficando louca. Não sei se já contei aqui, mas eu tenho uma alergia na parte da nuca, parece caspa, mas na realizade o meu cour cabeludo fica descamando e coçando, já passei em diversos dermatos e eles sempre dizem que é alergia a shampoo, e que eu tenho que usar um shampoo especial, super caro (custava uns 70 reais um vidro, usei um mês e larguei mão) porque o que eu tenho só pode ser resolvido assim, e bla bla bla, maas eu percebo que essa "alergia" do shampoo só aparece no calor. No frio, não coça, não descama e não faz nada e eu uso os mesmos produtos, então eu mesma cheguei a conclusão de que pode ser o suor e não o shampoo que me faz isso. Até me disseram "ah, mas no calor voce lava mais a cabeça" e a resposta é não, eu lavo meu cabelo 2x na semana, sendo calor ou frio (e no frio lavo e ele ainda parecia limpo, no calor, 2 horas depois de lavar parece que faz um mês, de tão oleoso que fica, é mole?).

E nessa semana o calor está demais. Demais mesmo, a alergia está tanta que eu me pego coçando a cabeça o tempo todo (todo mundo deve olhar e pensar "credo, ela deve ter piolho") e como minhas unhas estão grandes (grandes demais, eu diria) cocei tanto que está sangrando! 1- Não vou cortar minhas unhas, apesar de ter unhas que crescem mais que capim, e sempre ter odiado isso nelas, eu to até curtindo ver elas grandes e cortar me deixaria triste (mesmo sabendo que em poucos dias ela ia voltar a ficar desse tamanho). 2- Eu não tenho dinheiro nem pra um celular novo, quem dirá pra gastar 70 reais com shampoo, 3- Eu preciso aprender a controlar esses impulsos de ficar coçando a cabeça, mas tá dificil!

Ontem, no meio da noite estava tão calor, mas tão calor que eu acordei as 2h da manhã, e não conseguia dormir. Aí coloquei um documentário no netflix chamado "fat, sick and nearly dead" que conta a história de um cara que estava com problemas de saude devido ao sobrepeso dele e que isso ia acabar matando ele em poucos anos, então ele resolveu mudar de vida, com ajuda de medicos e vários exames, ele começou uma dieta liquida de suco detox, que durou 60 dias e no fim, ele perde 37kg!!

É incrível sabe, e eu fiquei sonhando em fazer o mesmo. Aí comecei a pesquisar, e um fato importante é que os sucos dele, não eram os sucos detox da moda, que põe a couve, e a agua de coco e bate tudo, eu li uma materia que dizia que o suco praão perder os nutrientes e ajudar a acelerar o metabolismo teriam que ser feitas em uma centrifuga (ou juicer).

E agora, compartilhando com voces, eu andei pesquisando o preço, e tem umas com uns valores bem em conta (entre aspas, porque como eu disse, malemá pago minhas contas atuais e não sobra nem pro celular) e eu tô morrendo de vontade de comprar uma e fazer essa dieta! Obvio que ela é só um pontapé inicial, depois dela, voce tem que mudar todos os seus hábitos alimentares pra manter (o que nós anas sabemos fazer super bem, né? kk).

Além da perda de peso, ele também deixou de fazer uso de remédios pra controlar uma doença que ele tinha, melhorou o colesterol e várias outras coisas, e eu fiquei pensando muito nisso justamente por isso, pela alergia que eu tenho no couro cabeludo, pelas milhares de alergias que eu tenho durante o dia, a falta de vontade de fazer as coisas, dores de cabeça entre N coisas. Sobrepeso não é um problema, mas todo o resto é, então eu queria fazer essa dieta (além de que se eu perder tanto peso quanto ele, vou virar uma thinspo *-*)

Alguém já viu esse documentário? Sei que tem o 2, mas ainda não vi, disseram que o 1 é o mais interessante mesmo, e eu realmente recomendo. As vezes dá a louca e eu vejo documentário atras de documentario, rs


E as coisas continuam fluindo. O calor está de matar. Calor me dá uma angustia, o cabelo fica ruim, oleoso, sujo, a maquiagem parece cimento na cara, as coisas não caem bem, os sapatos ficam suados, argh, quem inventou que gosta de calor só pode ser louco.

Quero frio. Mas quero estar magra, braçar meus ossos com um sobretudo, usar bota, cachecol, e tudo o que tiver direito. Falta muito? Falta!

Essa semana eu fui ao mercado e pela primeira vez em muito tempo saí de lá com mais frutas e legumes do que qualquer outra coisa. Cheguei em casa toda animada, e comecei pelo meu legume preferido (será que é legume? nem sei) o pimentão. Cortei um verde, um amarelo e um vermelho em quadradinhos bem pequenininhos, e aí cortei 3 tomates, meia cebola, misturei sal com azeite e, voila! um vinagrete! Meu amor riu da minha cara quando eu falei isso, porque pra ele só é vinagrete se for só tomate cebola e vinagre, e que minha receita de vinagrete deixava de fora justamente o que dava nome a coisa: o vinagre. Mas não tinha vinagre em casa, então foi sem mesmo.

Aí, eu peguei um pacote de rap 10 (eu sei que não é ó mas que saudável, mas ainda é uma opção melhor que pão francês), esquentei, coloquei um pouco de cream chese, e o "vinagrete", e levei pro meu amor comer,e adivinha só? Ele não só comeu, mas repetiu, várias vezes. Eu comi também, e devo dizer que estava muito bom. Muito bom mesmo, faz tempo que tenho engolido a comida só pra não desmaiar, ou não dar bandeira, mas nesse dia eu comi porque senti gosto em comer. Acho que viveria de pimentão, se ele me fizesse perder toda a tonelada que eu ainda carrego comigo.

Enfim, hoje tem visita na empresa, tem muita coisa a fazer e eu só queria compartilhar isso aqui mesmo, por motivo nenhum, rs!

Espero que estejam todas bem. Visitei algumas, mas percebi que a maioria não tem mais atualizado o blog.. Preciso conhecer gente nova, alguém tem novos blogs pra indicar?


Hey borboletas lindas do meu coração, tudo bom?

Dei uma bela sumidinha daqui. Nem acredito que 2017 começou.. quero dizer, não acreditava, mas agora acredito. Passei o fim do ano mentalizando que 2017 ia ser o ano, meu ano, que ia ser awesome, mais que awesome, e aí o ano começou e foi uma merda atrás da outra.

Começou logo no primeiro dia de trabalho (dia 2), minha chefe se desligou da empresa (saiu de fininho, sem se despedir, sem um até logo, sem nem aviso prévio) e deixou o escritório todo de pernas pro ar (sério, ela cuidava sozinha de muita coisa e nem deixou nenhuma instrução. Ah, depois surgiu um boato de que ela andava desviando verba pro bolso dela, dá pra acreditar?) e eu quase pirei. Pobre de mim, só a recepcionista, de repente trabalhava dobrado, e sem ganhar um centavo a mais. Mas ok.

Depois a empresa passou por um grande corte de funcionários, e foi um dia muito tenso, ver toda aquela gente saindo, muitos chorando, é dificil viu.

E o pior dos piores aconteceu há umas 3 semanas: meu celular quebrou. Tô sem whats, sem meu instagram, sem nada. Muito triste né? Eu sei, nem sei como tô me aguentando!!

Com relação a comida, foi meio tenso também, todos esses problemas rolando no escritório, todo aquele clima pesado, eu entrei numa vibe, mas tão negativa, principalmente depois que quebrou meu celular, as vezes no meio do trabalho eu me escondia na sala do almoxarifado e choraaaava, chorava demais, me sentia mal pelo que aconteceu com o pessoal, ficava triste de saber que podia estar na proxima lista, entrava em desespero pensando "como vou pagar minhas contas?", "como vou alimentar meu filho?", e as vezes chorava por puro Weltschmerz mesmo. E aí no meio dessas crises, eu me entupia de chocolate (que eu ganho do moço que faz a manutenção da maquina de salgados) se não tinha chocolate, ia bolacha recheada, muita bolacha recheada mesmo, e chegava em casa e me entupia de tudo que via pela frente, aí m olhava no espelho e chorava mais ainda. Foi terrível.

Ms algo muito bom, mas muito bom aconteceu na segunda feira, mas algo tão bom, que eu ainda acho que estou sonhando: vou ser promovida! E mais, pra um departamento que eu venerava aqui na empresa. E o porque de eu estar tão encantada e deslumbrada e sem acreditar nisso: eu nem sabia, nem esperava que isso acontecesse, de verdade, meu chefe e minha nova chefe que me indicaram pra vaga, sério, ainda acho que estou sonhando, mas se for sonho, eu não quero acordar.. JAMAAAAAIS!

E desde segunda, o controle voltou. Sem nem precisar forçar, sem eu nem pensar, tenho 3 pacotes de m&m fechados na gaveta desde segunda e nenhuma vontde de abrir, meu almoço é sempre um omelete de três claras e eu não sinto fome nenhuma depois, chego em casa e vou deitar, e durmo. Durmo muito bem. Como uma boa noticia muda tudo não é? Durante o dia tomo chá de maçã (numa das 4 canecas lindas que meu amor me deu, também na segunda, antes mesmo de eu contar pra ele , porque só contei da promoção ontem) com 1 gota de adoçante (porque puro é muito amargo) e no máximo 2 bolachas salgadas. Minha calça Jeans que estava ficando perigosamente apertada (do tipo que quando eu fechava o botão o zíper abria) agora voltou ao normal e está levemente mais folgada,.

Agora finalmente sinto que o ano começou, começou muito bem. Vai levar alguns meses até eu assumir meu novo cargo e essa informação virar publica, mas meu treinamento já começou, meu futuros colegar de equipe já falam comigo, me cumprimentam, me chamam pra conversar no chat da empresa, e já sou até convidada pros eventos especiais deles, não me sinto mais um zero a esquerda, nem solitária. Me sinto viva e finalmente parte da empresa, e parte dos processos dela (ela tem uma visão muito bacana com relação ao meio ambiente e ao uso consciente de energias, e eu sempre fui super ligada nisso), sinto até que posso mudar o mundo (exagerei né?).

Bom, o post de hoje, foi longo, de novo, mas só pra avisar que eu voltei, e que minhas metas pra esse ano são:

Ser Feliz;
Cuidar mais de mim (minha pele, cabelos, unhas, tudo);
Chegar na minha meta de peso;
Virar funcionária do mês;
Comprar um celular novo.

Super atrasada com as resoluções de ano novo, claro, mas eu vou adicionando itens a medida que eu achar que precisa. E vocês, como tem sido esse ano até aqui?

Vou visitá-las, um beijo!!



Eu nem acredito que faltam nada mais que 20 dias pro natal. E como todo fim de ano, eu fico com aquela sensação de "putz, quero recomeçar", acho que todo mundo deve ter, essa sensação de ano novo, vida nova, né.

Dito isso, eu preciso dizer que jácomecei a escrever minhas metas pro ano que vem, já estou naquele feeling de gratidão e decepção com esse ano que está passando, e então eu trouxe aqui hoje, uma lista de coisas que eu fiz esse ano e gostei/não gostei, coisas que quero fazer ano que vem, meus objetivos, entre outras coisas.

O que aconteceu nesse ano que eu fiz e gostei/não gostei:

- Esse ano eu comecei desempregada, e morando de favor entre a casa da minha mãe e da minha sogra, então eu sou muito grata por finalmente ter recebido a chave do nosso tão esperado apartamento, no dia 29 de fevereiro (eu achei muito engraçado, como se esse dia fosse realmente um dia único nesse ano);
- Eu tive o pior emprego do mundo. Com o pior chefe do mundo! E saí desse emprego direto pra um pior ainda: Este ano eu trabalhei como fotografa, num buraco que chamaram de estúdio, sem receber salário fixo, foi horrível, eu odiei, chorei muito por isso. Hoje eu sinto gratidão por esse tempo, porque a gente só sabe o que é bom, quando conhece o pior;
- Consegui um emprego. Carteira assinada, salário razoavel, benefícios maravilhosos, e fins de semana de folga;
- Voltei pra ana, para este blog, e isso tem sido muito bom pra mim, escrever aqui têm sido muito melhor que terapia, e a cada postagem que eu me identifico eu não me sinto tão só;
- Pintei meu cabelo de preto, primeiro eu amei, achei que nada era mais a minha cara, depois me senti mais velha com essa cor, mas gostei do efeito do preto desbotado (que ficou meio avermelhado, e que me fez voltar a desejar ser ruiva);

Para o ano que vem eu quero:

- Estabelecer novas metas de peso, e atingi-las (como eu me mudei, minha balança ficou pra minha mãe e eu não tenho mais me pesado, então não sei qual meu peso);
- Voltar a fazer LF alternados com NF;
- Entrar numa academia;
- Deixar meu cabelo crescer de novo, e aí pintar de vermelho, igual o da Luanna do blog le Happy;
- Riscar pelo menos umas 15 linhas do meu desafio de 101 coisas em 1001 dias (Se alguém não viu ele está ali em cima, ano que vem eu quero me dedicar mais a alcançar metas e objetivos que eu colocar em listas);
- Cuidar mais de mim (eu ando pensando em passar um mês totalmente dedicada a uma parte do corpo, sabe, tipo, começar cuidando do meu rosto, o mês todo, com protetor e cosmeticos, aí seguir uma rotina, e conforme for adicionando mais coisas, ir aumentando essa rotina de beleza e tal);
- Viajar e fotografar mais.

Obviamente essa é uma pré lista, porque conforme os dias passam, a gente sempre acrescenta algumas coisas, muda outras, mas já comecei a minha. Ah, esse ano eu quero ter cardápios, dietas escritas também, coisas assim, e também pretendo postar mais fotos assim vocês acompanham junto comigo a minha evolução, ou regressão, o que acham? Alguem já começou a planejar o ano quem vem ou só eu sou apressada? (porque pra mim 2016 já deu)!